sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Natal é....

... é fechar os olhos e sentir o cheiro a pão-de-ló acabado de sair do forno;
... é estar em casa com quem quer estar connosco;
... é contar os minutos para a meia noite;
... é ver os sorrisos a espalharem-se, multiplicarem-se e gravar o som das gargalhadas na memória selectiva;
... é lombos de bacalhau, "rabanecos" (só para nós) e pão-de-ló a desfazer-se na colher;
... é abraçar como se fosse o último dia e beijar como quem acabou de chegar;
... é desejar ser eterno só para ver os bebés a transformarem-se em crianças, as crianças em adolescentes e os adolescentes em adultos bonitos e com personalidade forte;
... é esquecer as dores, envolver as feridas com antisséptico e encher a memória com sorrisos bons;
... é olhar para as luzes das árvores e guardar a luz de todos os que nos enchem de amor;
... é ver a vida a mudar, todos os anos, com ou sem tradições, mas ter o coração sempre a transbordar de amor, um amor imenso que se renova.

Neste Natal dou-vos aquilo que de melhor eu tenho.

Sem comentários: